terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Valentine's Day, ou o Dia de São Valentim



Há duas datas em que os amantes apaixonados trocam presentes, flores e mimos: o Dia dos Namorados e o Dia de São Valentim.

O tal do Valentim era um bispo da Idade Média, que lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes. Bom, isso até que faz sentido...

Além de continuar celebrando casamentos, ele se casou secretamente, apesar da proibição do imperador. A prática foi descoberta e Valentim foi preso e condenado à morte.

Enquanto estava preso, muitos jovens mandavam flores e bilhetes dizendo que os jovens ainda acreditavam no amor. Enquanto aguardava na prisão o cumprimento da sua sentença, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão (não é lindo isso, gente?). Antes de partir para o além, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como “Seu Namorado” ou “De seu Valentim”.

Daí nasceu o amor romântico e no século XVII os ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como a união do Dia dos Namorados. A data foi adotada um século depois nos Estados Unidos, tornando-se o Valentine's Day.

Na Idade Média dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros (ô gente criativa nessa época!). Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta da amada (lindo isso!).

O dia é hoje muito associado com a troca mútua de recados de amor em forma de objetos simbólicos. Símbolos modernos incluem a silhueta de um coração e a figura de um Cupido com asas. Iniciada no século XIX, a prática de recados manuscritos deu lugar à troca de cartões de felicitação produzidos em massa (para ficar mais baratinho, né?). Estima-se que nos dias de hoje, mundo afora, aproximadamente um bilhão de cartões com mensagens românticas são mandados a cada ano, tornando esse dia um dos mais lucrativos do ano! Também se estima que as mulheres comprem aproximadamente 85% de todos os presentes no Brasil (tem alguma coisa errada nesta conta, afinal tinha que ser algo em torno de 50%, para ser justo, ou seja, tem namorado não dando presente e tem namorada achando que tem namorado, tô certa?).

No Brasil, a data é comemorada no dia 12 de junho por ser véspera do 13 de Junho, Dia de Santo Antonio (que raios! Então pq não é no dia 13 de junho?!?), santo português (ah, entendi!) com tradição de casamenteiro, provavelmente devido a suas pregações a respeito da importância da união familiar.

Bom, isso é história, é daí que as datas aparecem e a gente fica mais e mais apaixonados neste dia (que coisa, né?) - filas nos motéis, nos restaurantes, cinemas. Shoppings lotados. Bombonzinhos, flores, presentes para qualquer tamanho de bolso. Mas, fala sério? Tem coisa mais gostosa e romântica do que aproveitar esse dia e fazer uma colherinha com o namorado?

Aproveita e se lança!



Namore muuuito!!!! E, para quem não tem namorado, há uns sites bem bacanas de relacionamento, dá uma googlezada e tudo é possível! Santa Internet!

Beijos e feliz Valentine's Day!!!

Yo.

5 comentários:

  1. Yo: o santo é sempre comemorado de véspera... e, depois, existem várias simpatias para Santo Antonio destinadas a arrumar namorado/a ou a descobrir quem será o marido/esposa que têm que ser feitas na véspera do dia do santo. Acho que é por isso que o dia dos namorados é comemorado no 12 de junho, não no 13! beijos

    ResponderExcluir
  2. Poxa,vc sumiu....
    Gostava do seu blog, e reparei tb que o da sua empresa tb esta bem desatualizado.Espero que seja por conta de muito trabalho e nao outra coisa,
    abracos
    Marcelo Sousa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Marcelo. Tudo bem?
      Tinha parado, sim, mas agora retomando com tudo.
      Obrigada pelo apoio!!!!
      Bjs.
      Yo.

      Excluir
    2. Que bom, isso mesmo garota a fila anda, bora trabalhar e curtir a vida. Feliz dias das maes pra vc, conte comigo, mesmo eu sendo um perfeito estranho...ha ha ha, pode ser que esse fato seja ate bom, nao é???
      Abracos

      Excluir
  3. Abraços, Marcelo.
    Bem-vindo.
    Beijos,
    Yo.

    ResponderExcluir